Reunião Itinerante do Parlamento Jovem

por Daniel Salgado publicado 08/05/2018 16h50, última modificação 08/05/2018 17h01
Coordenação e monitores do projeto Parlamento Jovem Minas vão ao distrito de Guarapuava.

O Parlamento Jovem de Minas em Unaí acontece desde o ano de 2015 tendo, em seu primeiro ano, três escolas participantes. Nas edições seguintes, esse número foi aumentando gradativamente, passando para cinco escolas em 2016, sete em 2017 e, por fim, a edição de 2018 com quase todas as 11 escolas do município (que possuem o ensino médio) com alunos inscritos. Apenas uma ficou de fora, más não por falta de interesse. A Escola Estadual Elisa de Oliveira Campos vem manifestando, desde 2015, o desejo de participar do projeto.

O motivo? A Escola Elisa de Oliveira Campos está localizada a cerca de 70 km da sede do Município de Unaí, mais precisamente no Distrito de Garapuava.

Entretanto, na edição de 2018 algo mudou. Uma ação conjunta entre a Presidência da Câmara Municipal de Unaí e a Direção da Escola Estadual Elisa de Oliveira Campos, juntamente com o esforço e dedicação de alguns colaboradores do projeto, foi possível realizar, no dia 17 de abril, naquela escola, lá no Distrito de Garapuava, duas oficinas itinerantes do projeto que já tinham sido realizadas nas atividades em Unaí.

A oficina extraordinária do PJ Minas na Escola Estadual Elisa Campos, possibilitou levar até os estudantes daquele Distrito um pouquinho do Parlamento Jovem. Em uma manhã fria, incomum na Chapada de Garapuava nesta época do ano, cerca de 150 pessoas, entre alunos, professores, direção e convidados puderam conhecer o PJ Minas, que foi a eles apresentado pela Coordenação do Polo Noroeste do Projeto Parlamento Jovem 2018. Logo após, tiveram duas palestras, com o assessor parlamentar, universitário do curso de administração e Monitor do PJ Minas em Unaí, Cleber Avelar, e a ex-aluna do PJ Minas e atual Monitora, Ana Luísa Pereira, que trataram dos temas Lei de Responsabilidade Fiscal e Feminismo, História e Vertentes, respectivamente.

O que se percebeu foram alunos muito participativos e curiosos, e uma clara impressão de que ficou neles um desejo de quero mais. Esse foi o breve relato da primeira oficina extraordinária realizada pelo Parlamento Jovem de Minas em Unaí, feita por uma causa sobretudo nobre, e, mais uma vez fica o agradecimento a todos aqueles que possibilitaram a sua execução, que foi um sucesso.

Texto de José Carlos da Costa, diretor da Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Unaí, com Revisão de Daniel Salgado.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.